Sucesso em TI requer muito mais do que conhecimento técnico




Quem trabalha com tecnologia e estudou para isso sabe: o foco sempre foi buscar uma formação técnica de primeira linha. Isso não mudou, mas, hoje, o desafio é maior. Atualmente, os melhores cursos e faculdades se preocupam também em desenvolver habilidades humanas e competências de gestão para que os alunos consigam enfrentar o mercado de trabalho.

Em TI, quando o profissional almeja cargos mais altos, consequentemente com salários mais altos, como CIO, diretor ou mesmo um executivo da empresa, é preciso assumir novos papeis e competências que vão além do conhecimento técnico.
Um modelo muito comum hoje em dia é a carreira em “Y”. Em um determinado momento, o profissional precisa decidir se segue se especializando e se atualizando exclusivamente na área técnica ou passa a assumir responsabilidades mais voltadas à gestão de projetos e da própria organização.

A formação acadêmica do Igor sempre foi estritamente técnica, desde o início dos seus estudos na área de TI. Recentemente, ele decidiu mudar para a área comercial. O conhecimento técnico avançado continua sendo um diferencial, mas a sua formação superior foi primordial para que ele pudesse fazer essa transição com segurança.

De qualquer forma, a demanda por profissionais técnicos altamente qualificados e especializados é grande e não para de crescer. A evolução frenética da tecnologia requer gente com conhecimento bastante apurado e atualizado.

Para quem prefere se dedicar exclusivamente à área técnica, uma dica muito importante é tirar certificações de fabricantes. O documento garante que o profissional está apto a trabalhar - e bem - com determinada tecnologia ou solução. Mas não é só isso. É preciso gostar de estudar e estar sempre antenado nas últimas atualizações.